Enaltecer II

Quantas vezesEu já te falei?Não seiOu, talvez, saiba.Já perdi a contaDe quantas vezesEu te falei queTe admiro muitoE cada vez mais Eu te admiro. Mesmo assim, Afirmo, novamente, Que fico mais aindaMaravilhado por você.  + ...
Continue Lendo

---

By: Eric do Vale
Category: Poetry and poems

Enaltecer

A orquídea do meu orquidárioÉ a rosa da minha roseira,Flor do meu jardim Que floreia o meu diaCuja alegriaTanto me contagiaE norteia o meu caminho.O que mais poderei dizer?Digo isso e um pouco mais dissoE ainda sim, é pouco. Muito pouco.E o pouco que me faltaÉ muito para demonstrarA grandeza do ...
Continue Lendo

---

By: Eric do Vale
Category: Poetry and poems

Desconforto

Eric do Vale “Não se ocupa com nada além de um certo interesse pessoal, a saber, vingar-seda angustia que lhe causo e evitar a angustia que posso vir a lhe impor no futuro.”(Franz Kafka: Uma Pequena Mulher) A) O Casal - Está aí com esta cara e sem dizer nada, o que é ...
Continue Lendo

---

By: Eric do Vale
Category: Short story

Emboscada Capítulo 4

Ele caminha à frente do grupo. O mato por onde passa parece intocado. É possível ver a silhueta da paisagem com certa clareza. Um pouco adiante, seguindo em direção à encosta de um morro, Isaac vê uma clareira, um bom local para pernoitar. Desconfiado como um chacal, o chefe do bando manda se ...
Continue Lendo

---

By: Alexey Rickmann
Category: Short story

O médico, o sádico e o prisioneiro

Agosto de 1941.Sentado numa cadeira da madeira, A cabeça do homem algemado pendia para o lado, debaixo da luz de uma única lampada sobre si.Tudo em redor era tão escuro que nada podia ver-se a não ser o suspeito cujas manchas de sangue em sua camisa escorriam, após o balde de água que jogaram ...
Continue Lendo

---

By: Silva Pacheco
Category: Short story