Duas

Circunscrito azul,Linhas douradasSuperfície de neveDeveras límpidaA imagem é clara?Sim, só estou embasbacado...Beleza sobrenatural?Não, é real...Na andança tortuosaCurvas acentuadasDe chão que foi batidoÉ terra de ninguémA imagem é bela?Sim, porém desproporcionalBeleza sofrível?Não, é ...
Continue Lendo

---

By: Persio Kojima
Category: Poetry and poems

Tudo é muito complicado

Tudo é muito complicadoQuero que tudo fique simplesE sei que não funciona assimVou aprendendo pelo caminhoMas tudo continua encralacadoTudo é muito complicadoQuero logo sair daquiMas sei que vou viverMudando aqui ou ali no mesmo lugarE já não me sinto tresloucadoTudo é muito complicadoPenso em ...
Continue Lendo

---

By: Persio Kojima
Category: Poetry and poems

De quando eu te vejo

De quando eu te vejoMais aumenta o meu desejoDe querer te conhecerDe querer te verDe estar com vocêDe viverDe amarDe sonharDe estar com vocêDe querer te verDe querer te conhecerMais aumenta o meu desejoDe quando eu te vejo + ...
Continue Lendo

---

By: Persio Kojima
Category: Poetry and poems

Falar

Não sei se sou compreendidoTalvez me faço incompreendidoSe me respondem, assim, dito pelo não dito.Continuarei a falarPois por uma resposta persigoMas certamente me calo e prossigoSe me dizem, assim, "fica quieto amigo".Continuarei a falarBlah, Blah, Blah... + ...
Continue Lendo

---

By: Persio Kojima
Category: Poetry and poems

A Primeira de Todas

A jovem mulher fazia enorme esforço para levantar-se. A lama era malcheirosa. Estava em todo o seu corpo.O instrutor olhava severamente para ela, posicionado alguns passos à sua frente com as mãos para trás e segurando um açoite.Camiseta, calça e coturno escuros. Nome escrito na blusa da moça ...
Continue Lendo

---

By: Silva Pacheco
Category: Short story