Notice (8): Undefined index: HTTP_ACCEPT_LANGUAGE [APP/Controller/AppController.php, line 55]
- Entrelinhas

Entrelinhas

-

Font Size:

Tenho que tomar cuidado dentro e fora de casa. Ficar de olhos bem abertos pra fugir dos tão temidos rótulos. Eles tão por aí, dizem que sempre existiram, mas acho que hoje em dia estão mais potentes e certeiros. Hoje em dia tem SEO. Eles ficam vagando por aí esperando um desavisado se abrir. Quando um deles te pega, meu amigo, rapidamente ele faz um scanner de você, mete um gancho daqueles de erguer caçamba na sua camisa e te deposita num grupo de pessoas que se parecem com aquilo que ele concluiu de você. E você fica lá. Perdido, mas fica. No começo, dentro do grupo parece estar tudo certo, afinal, as pessoas que a ele foram designadas têm muito em comum, conversam, trocam ideias, são gentis e amigáveis. É muito bom descobrir tantas pessoas tão parecidas com você. Até começarem a esbarrar nas linhas de raio laser imaginárias. Quando você encosta numa dessas linhas, uma sirene ensurdecedora faz com que todos tapem os ouvidos com as mãos, apertando dentes e olhos. Alguns gritam, outros choram, o desespero se alastra. O momento atormentador dura pouco menos de um minuto. Depois de entorpecer, silencia. E o grupo vai, lentamente, tirando as mãos dos ouvidos, piscando os olhos ressabiados e deixando a língua livre novamente. Quando todos voltam a si, começam a pensar e a debater sobre como cada um deveria cuidar para que não encostasse na maldita linha imaginária. Mas é impossível, pois não tem como vê-la. Muito entusiasmo e engajamento nessa hora! Todo mundo começa a criar motivos pro outro parar de fazer errado. E enquanto ficam nesta entusiástica batalha de razões, são sempre pegos de surpresa pela sirene. Sempre! Sabe como? Quando alguém sente que tem um pensamento diferente dos outros do grupo. Como é possível? Ou que seja uma característica física, ou psicológica, ou um gosto pessoal. Como pode?! Mas ainda bem que eles são todos iguais. Ainda bem. Só falta mesmo eles perceberem.

Published at : invalid
Category : Short story