Superação

Font Size:

Sua respiração estava, agora, bem mais ofegante. Não conseguia imaginar que aquilo estivesse acontecendo com ela. Um filme verídico de sua vida passava, rapidamente, em sua memória: a infância feliz ao lado dos pais e do irmão; o início de todo o drama quando, após sentir-se mal, sendo levada ao médico, veio a dura realidade pela constatação: tinha glaucoma e sua visão, gradativamente, iria se “estreitando” até ao ponto de não mais conseguir ver nada.

Havia sido um cruel golpe do destino, mas tudo era muito real. Em pouco tempo, ela já estava completamente cega, precisando recomeçar a viver. A adaptação não foi nada fácil. Encontrou pleno apoio da família, teve, mais do que nunca, os três entes queridos ao seu lado; porém, os sonhos para O futuro, quase já ao alcance aos 13 anos, quando tudo começou, “foi-se por água abaixo", já que teria que começar tudo outra vez: escola, com o estudo do Braille; repensar a carreira a ser seguida; novas amizades, tudo fazia com que Raquel tremesse, pelo medo sentido de que os amigos se afastassem dela.

Mas ela se surpreendeu no momento em que, combinando com a família, fez o anúncio tão adiado aos colegas de sala e aos demais, cegaria em pouco tempo e precisaria viver de maneira totalmente diferente, a dúvida e a escuridão permaneceriam a partir de então.

Foi um longo recomeço, não somente de tristezas e perdas, mas de construções, sonhos e conquistas importantes que levariam á grandes vitórias pessoas, em todas as áreas de sua vida.

Seus esforços, o apoio dos pais, do irmão e também dos amigos, de antes e dos conquistados depois de toda a mudança ocorrida em suas vidas, lhe fizeram valer cada momento da nova jornada que, após tantas alegrias vividas e das conquistas alcançadas, era coroada com a vitória que acabara de conquistar: vencendo, ao lado de seu treinador pessoal e companheiro de atletismo, a grande final mundial dos 1.500 metros livres, para atletas que não conseguiam enxergar.

+

Published at : 01-05-2017
Category : Short story