Notice (8): Undefined index: HTTP_ACCEPT_LANGUAGE [APP/Controller/AppController.php, line 55]
- POEMAS DE UM DESGRAÇADO

POEMAS DE UM DESGRAÇADO

Font Size:

Eu sou mais um desgraçado

Mais um desgraçado fumante

Mais um desgraçado desalmado

Mais um desgraçado solitário com o Coração partido e a alma manchada

Andando por aí com o velho cigarro entre os dedos

Entrando e saindo de bares de esquina

Vendo filmes chatos e entediantes nos olhos das pessoas

O fim é sempre igual

A fumaça sai da minha boca e se espalha pelo ar

Assim como meus pensamentos que saem de mim e andam pela cidade e depois retornam para me atormentar

Eu entre tantos desgraçados

Tenho sorte ou azar

Por ser mais um?

Passei pela sua rua e sorri lentamente

Por lembrar do tempo desgraçado em que éramos dois desgraçados

Meu cigarro apagou lentamente

Certo momento percebi que a luz do seu quarto apagou

Virei minhas costas e segui meu caminho

O meu longo caminho, o caminho que tínhamos trilhado juntos, o mesmo que eu faço toda noite

E sumo lentamente no horizonte

Como o bom desgraçado que sou

Olho minha carteira de cigarros

E só tem mais um, eu e meu cigarro a única dupla de desgraçados que restou...

+

Published at : 25-07-2017
Category : Poetry and poems