Notice (8): Undefined index: HTTP_ACCEPT_LANGUAGE [APP/Controller/AppController.php, line 55]
User profile

Edygleison Guedes

Artist

Bio


Posts

Viração

Eu te vejo, linda, pairando acima de meus sonhosEu te vejo pura, nos meus sonhos mais profundosEu te vejo ideal, em minhas meditações metafísicasOh, doçura! Eu não sei bem o que háQue nestas tardes eu almejoE caminho, em pensamentos, por sobre as ondasEu não sei bem o que aconteceMas é sempr ...
Continue Lendo

Category: Poetry and poems

Infinitesimalmente

O tempo, minimalisticamente equilibrando-se Convergindo em ondas de respiração divina Num balé eterno de cores multivariadasInunda-me o existir Descobre-me a alma Revela-me tua face, tão bela Cruzando minha via-crúcis cirurgicamente Alentando, aleitando-me o espír ...
Continue Lendo

Category: Poetry and poems

Sede

Meu amor, tenho sede Enquanto mergulho em tuas águas E tantas realidades descubro O desejo só aumenta Queima-me, em meio à pressão hidráulica Que tua alma exerce sobre a minha Fazendo-me mergulhar cada vez maisEm teu ser infinito, eterno Meu amor, sou dependen ...
Continue Lendo

Category: Poetry and poems

Ballet

Meu amor, tu deslizas, levementePor entre meus sonhos e aquecesAs águas termais de minha almaCom tuas palavras de brisa suaveEm teu seio eu sou eu, sem ilusõesPodemos passar o tempo todo assimPassos pra lá, pra cáEu me pergunto onde essa dança vai nos levarOs dias passam, as noites passam, leve ...
Continue Lendo

Category: Poetry and poems

Telepatia

Eu vou voltar, àquele lugarUm dia, tudo estará, como deve serLeve milhões de anos, pela EternidadeEu vou voltarEu estarei, no aguardo, te aguardandoMinhas mãos continuarão a existirPor entre mil estações, a aguardar as tuasEntre sonhos mil, realidades quiméricasAtravés de mil saltos quânti ...
Continue Lendo

Category: Poetry and poems

Iluminar

Em dias passados, um olhar sombrio erguia-seAté as constelações infinitas, ardentesMas era preciso partirSeguir, chorosamente, esquecendo aquela sinfoniaLevou séculos, os mundos convergiram, tempoPara tudo, apenas um segundo, fui levadoTransportado, por não sei o quêEstávamos, novamente, fren ...
Continue Lendo

Category: Poetry and poems

Seu olhar cortando a tarde

Se você mentirCairNão puder seguirEu vou, por aíQuando eu estiverIn the dark placeNaquela estrada sombriaLembre-se, meu amorDe tudo quanto foiDeixadoApagadoAsfixiadoMas nunca esqueçaDa vontadeVerdadeLiberdadeAmor... + ...
Continue Lendo

Category: Poetry and poems

Ritmo I

Um dia, à beira marEntendi a passagemDe tudo o que havíamos passadoCompreendiO porquê de tudoDeixa, que vá, tudo emboraO mar, as ondas, o vento, eu fiqueiCom a sensação, amarga, depois doceDa compreensão, é da vida, do processoMesmo que agora nossos olhos, olhem em Direções opostas, voltar ...
Continue Lendo

Category: Poetry and poems