Notice (8): Undefined index: HTTP_ACCEPT_LANGUAGE [APP/Controller/AppController.php, line 55]
User profile

Lorena Emile

Artist

Bio

eu te escrevia coisas lindas, por que era tudo que eu tinha.

Posts

Limite

As vezes eu queria que a dor fosse maior, a ponto que meu corpo não suportasse, a ponto que eu dormisse, a ponto que eu morresse, mas meu corpo permanece em pé para me torturar fazendo suportar a dor que me parece insuportável. ...
Continue Lendo

Category: Poetry and poems

Sedução e Vaidade

modéstia a parte, eles me querem; eles me desejam; me suportam, aceitam. Eles não me entendem, mas estão sempre me buscando. Eles veem em mim o amor que eu não posso dar, por que se é a dois, já não somos só nós. tenho deles toda a verdade, em mim só a mentira; tenho deles toda ...
Continue Lendo

Category: Poetry and poems

Registro da Memoria

Há mais ou menos 1 ano eu resolvi montar um álbum de fotos só meu, como uma linha do tempo dos melhores momentos ou os registrados . Minha última lembrança registrada em foto eu tinha 14 anos. Então procurei fotos para representar minha adolescência, cheguei a olhar várias e relembrar vária ...
Continue Lendo

Category: Poetry and poems

Verdades

estou tão insensível que a musica já não expele de mim os meus sentimentos e as palavras mais profundas que eu teria para escrever. As palavras vem no momento vago do dia, eu decido não escrever, minha consciência diz que eu me devo essas verdades, eu e ninguém mais. ...
Continue Lendo

Category: Poetry and poems

27, fevereiro de 2018

"Eu jurava que ele ia falar com você" - No fundo, eu também! não posso evitar a frustração que cobre o meu rosto todas as vezes que nossos olhares se encontram na rua. Imagino milhões de possíveis reações suas, mas a minha será sempre a mesma, rejeição! E todas as vezes qu ...
Continue Lendo

Category: Poetry and poems

Lar doce cama

Todas as noites depois do trabalho são iguais, e ainda sinto gratidão por poder estar em casa, mesmo que isso reafirme que a adolescência acabou, agora estou não somente no quarto, mas no lar. Todos os domingos pela manhã eu penso em ir na casa de Deus agradece -lo pela vida, mas todas as vez ...
Continue Lendo

Category: Poetry and poems